Notícia

3min leitura

Episódio #20: Os 5 melhores momentos

Uma aula de história sobre o sistema financeiro brasileiro

Por Josué Guedes

16 nov 2022 11h34 - atualizado em 17 nov 2022 12h59

Texto originalmente publicado na CompoundLetter, a newsletter do Market Makers. Inscreva-se na newsletter gratuitamente deixando o seu e-mail aqui

Não é todo dia que temos a chance de escutar um ex-banqueiro falar.

Imagina então escutar um que, além de ter criado mais de um banco, foi o responsável por criar diversas instituições e mecanismos do mercado financeiro que usamos até hoje.

Luiz Cezar Fernandes, fundador do Garantia e Pactual (hoje BTG), dividiu com a gente sua história de conquistas e alguns tropeços num dos episódios mais marcantes que já fizemos na ainda breve história do Market Makers.

Testemunha ocular da formação do mercado brasileiro, Cezar tem uma trajetória pessoal única que já faz valer a pena escutar seus relatos, mas, além da sua singularidade e genialidade, o episódio #20 é um verdadeiro acervo para quem é apaixonado pelo mercado, porque releva os bastidores daquilo que hoje é corriqueiro para todos os investidores.

Do Garantia à tokenizadora do mercado agro, esses são 5 momentos históricos e imperdíveis do nosso vigésimo episódio:

1) Criação do Garantia

Após sair do escritório Levy, Cezar foi trabalhar na Libra junto com Jorge Paulo Lemann. Lemann tentou comprar o negócio, mas teve proposta rejeitada e acabou saindo da empresa. Cezar continuou na Libra, porém frequentava a casa do Lemann para reuniões de estruturação do negócio que daria origem ao banco Garantia.

Confira aqui a história completa.

2) Selic: como e por que nasceu foi criada?

Numa viagem aos EUA, Cezar teve contato com diversos mecanismos de mercado e voltou para o Brasil com várias ideias. Baseado no que viu na tesouraria do JP Morgan propôs a criação da Selic: “A Selic, na nossa ideia, era para fazer [negociação] de títulos públicos e títulos privados. Só que no dia da criação o Banco Central disse que Selic seria apenas para títulos públicos.”

Confira aqui a história completa.

3) A origem do CDI

Com a necessidade de fazer transações entre bancos de forma menos burocrática, Cezar propôs ao Claudio Haddad, membro do Banco Central, a criação do CDI. Antes disso, o mecanismo para tais operações era muito lento: “nasceu de uma necessidade do Garantia de fazer transações rápidas [entre bancos]”.

Confira aqui a história completa.

4) A formação do Pactual

Numa reunião mensal do Banco Central organizada pelo Cezar, na década de 80, o economista Paulo Guedes e Andre Jakurski se conheceram em meio a uma discussão sobre o fim da carta patente. Menos de um anos depois, Guedes, Jakurski e Cezar criam a distribuidora Pactual que mais tarde se tornaria banco e hoje é conhecido como BTG Pactual.

Confira aqui a história completa.

5) O trade que transformou o Pactual

Cezar e Jarkurski acompanharam o IPO da Telmex no México. A ação saiu a US$ 79,00. Aqui no Brasil, a Telebras, empresa de telecomunicações semelhante a Telmex, estava cotada a US$ 0,59. Enxergando aí uma clara assimetria, compraram tudo que podiam com o dinheiro do fundo do Pactual e viram a ação ir a US$ 59,00.

Confira aqui a história completa.

Cada um desses trechos possui uma importância única, mas não substituem a experiência de ouvir “Tragédias e triunfos: a incrível história de Luiz Cezar Fernandes” do início ao fim. Clique aqui e confira!

Compartilhe

Por Josué Guedes

josue.guedes@mmakers.com.br