Notícia

1min leitura

O lado bom de ouvir os pessimistas

3 motivos para você aprender a escutar os pessimistas

Por Josué Guedes

12 abr 2023 13h50 - atualizado em 12 abr 2023 03h06

“Por que todos os caras antigos de mercado que eu conheço são pessimistas? Porque os otimistas morreram”, 

Pedro Cerize no episódio #39 do Market Makers

Costuma-se dizer por aí que para ganhar dinheiro com ações é preciso ser necessariamente otimista. Isso pode até ser verdade, mas você nunca deve deixar de escutar um pessimista, principalmente no Brasil.

Em momentos de euforia, eles apontam para aquilo que todos fazem questão de ignorar. E em momentos de “depressão” eles podem até mostrar a luz no fim do túnel.

Os investidores que estão na fintwit (comunidade de investidores do Twitter) lembram bem dos tempos de bonança na bolsa, em que todo mundo parecia ganhar muito dinheiro. Eram prints de rentabilidade, memes sobre a “alta infinita” do Ibovespa, exaltação ao guru favorito etc.

Os pessimistas eram inconvenientes naquele período.

A coisa mudou depois da crise do Covid e a sequência de circuit-breakers que levou o Ibovespa para quase 60 mil pontos. Apesar da rápida recuperação, aqueles que apontavam para um período difícil à frente começaram a ser mais ouvidos e levados a sério.

Os prints sumiram. Os memes, nem se fala. As discussões acaloradas sobre grandes temas do mercado (“CDI vs. Ibovespa”, benchmarks etc) deram lugar a discussões políticas, pois ninguém gosta de falar que está perdendo dinheiro.

E o pessimismo se tornou comum.

Para não ser apenas um pessimista de ocasião, a melhor coisa é ter sempre ouvidos para aqueles que não acham que o futuro será um mar de rosas, pois isso te deixará mais atento.

Aqui estão algumas razões para você também escutar os pessimistas:

1. O pessimismo mostra que nem tudo vai na direção certa e isso ajuda o investidor a enxergar as deficiências em suas teses;

2. Os otimistas tendem a extrapolar as tendências boas e podem abrir mão do pensamento analítico em momentos de euforia. Enquanto isso, os pessimistas ajudam a racionalizar os cenários a todo momento;

3. O pessimista sabe que coisas fora de seu controle podem causar vários problemas, então está sempre de olho no risco.

Parafraseando Morgan Housel, autor de A Psicologia Financeira: Sobreviva como um pessimista e invista como um otimista.

Compartilhe

Por Josué Guedes

josue.guedes@mmakers.com.br