Notícia

1min leitura

Museu de novidades

O novo governo será uma tentativa de voltar ao passado em termo de políticas econômicas

Por Renato Santiago

13 jan 2023 14h23 - atualizado em 13 jan 2023 02h23

O economista Alexandre Schwartsman admite que já cometeu sincericídios. “Eu falo o que penso e muitas vezes não penso antes de falar”, afirmou no Market Makers que entrou no ar ontem.

Um desses atos aconteceu quando foi convidado pelo governo de Lula para falar sobre sua política econômica, em 2003. “Disse que tinha coisas boas e coisas novas. Só que as coisas boas não eram novas e as coisas novas não eram boas”, afirmou.

E hoje, no Lula III?

“Hoje só tem coisa velha e ruim”, completa. O que o PT apresentou na campanha e nos primeiros anúncios é uma nova Nova Matriz Econômica.

“Estamos indo no caminho de uma nova expansão fiscal, num contexto de uma economia que ainda tem inflação alta. Então, no momento em que o Banco Central se esforça para pôr o pé no freio, o Tesouro Nacional pisa no acelerador. Aí o carro derrapa”, resume Schwartsman.

O mercado financeiro já tem certeza disso desde que Aloizio Mercadante foi anunciado no BNDES — o principal instrumento do desenvolvimentismo de Dilma Rousseff. “No Lula I, ele se cercou de gente com visões diferentes, cabeça diferente, com um currículo parrudo… hoje são todos papagaios de pirata”, completa Paolo di Sora, o quarto elemento da mesa.

Quais as consequências que um governo que começa com novidade de museu na economia? Qual vai ser o papel do Banco Central para evitar uma possível tragédia? Como a China pode ajudar o governo PT? Clique aqui e descubra.

Compartilhe

Por Renato Santiago

Jornalista, co-fundador do canal Market Makers e do Stock Pickers, duas vezes eleito o podcast mais admirado do Brasil. Passou por grandes redações do país, como o jornal Folha de S. Paulo e revista Exame, e atuou na cobertura de diferentes temas, de cotidiano até economia e negócios. Sua missão, hoje, é a de usar sua expertise editorial e habilidades de reportagem para traduzir o mundo das finanças e mercado financeiro ao grande público.

renato.santiago@empiricus.com.br